domingo, 8 de fevereiro de 2009

Entrar em forma tomando o café da manhã?


Entrar em forma tomando o café da manhã?

Qual a composição de cardápio ideal para passar o dia bem?

Do blog da Amélia

Quem poderia imaginar que não sair de casa sem tomar o café da manhã se tornaria uma das mais sábias lições maternais?
Acreditem, pesquisas comprovam que o hábito de tomar café da manhã ajuda a perder aqueles quilinhos a mais.

Acredito que hoje em dia pouca gente consegue seguir a rotina de sentar-e à mesa e tomar um bom café da manhã todos os dias.
Na prática, a maioria das pessoas costuma fazer uma refeição apressada antes de sair de casa no começo do dia ou até mesmo só beber um cafezinho puro.

Quem sofre com isso é o organismo. Depois de cerca de oito horas de jejum (visto que ninguém come enquanto dorme), o corpo precisa repor as energias.
Por isso, todos os especialistas não se cansam de repetir que o café da manhã é a refeição mais importante do dia.

Além de fundamental para a saúde, o hábito de tomar um bom café da manhã – ao contrário do que muita gente imagina – ajuda a lapidar as formas mais facilmente.
É isso mesmo. Rejeitar o café pode aumentar o risco de engordar.
Os especialistas fazem coro ao afirmar que a refeição matinal é essencial não só para garantir pique no dia-a-dia, como também para exterminar os quilos a mais.

Ao acordar, o organismo apresenta hipoglicemia moderada, de cerca de 70 mg/dl, quando o normal é 100 mg/dl, o que não gera nenhum sintoma. "No entanto, se os níveis de glicose caem para menos de 55 mg/dl, com o jejum muito prolongado, alguns sintomas podem surgir, como tremores, pessimismo e mal-estar, pois o organismo lança mão dos mecanismos de defesa hormonal para tentar aumentar as taxas de açúcar no sangue", explica a neurologista Maria José Silva Fernandes, professora do departamento de neurologia e neurocirurgia da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo).


Pesquisas comprovam que começar o dia em jejum obriga o organismo a economizar combustível. Resultado: o gasto calórico cai e fica mais difícil de eliminar as gordurinhas.
Já o habito de tomar café acelera o metabolismo. Ou seja, o organismo passa a queimar mais calorias. Animada? Tem mais.

O cereal matinal integral tem se mostrado um dos maiores aliados na missão de enxugar medidas. Um estudo realizado com 4 mil norte-americanos mostrou que aquelas que aderiram ao alimento queimaram cerca de 10% mais calorias, do que as que elegeram outros ingredientes para o desjejum. Por serem ricos em fibras, os cereais demoram para serem digeridos, mantendo o metabolismo a mil.

Saiba que quem come ao acordar tende a fazer melhores opções nutricionais ao longo do dia, pois evita picos de fome. Aquelas que ficam em jejum acabam exagerando nas outras refeições e beliscando mais durante o dia.

É que uma refeição saudável de manhã equilibra o organismo, limitando a nossa compulsão por alimentos ricos em açúcar e gordura.

Se ainda não te convenci que vale a pena comer logo cedo, saiba que um estudo realizado pela universidade do Colorado e de Pittsburgh, nos Estados Unidos e publicado na revista médica Journal of Obesity Research, mostrou que o desjejum é um dos principais hábitos incorporados pelos gordinhos que fizeram as pazes com a balança. Cerca de 80% dos pacientes que perderam pelo menos 13 quilos e mantiveram o peso sob controle por mais de um ano, aderiram à refeição matinal todo santo dia.

Para quem tem dificuldade de comer pela manhã, os endocrinologistas sugerem uma diminuição na ingestão de alimentos à noite. Caso este não seja o motivo da ausência de fome matinal, a recomendação é que se comece tentando ingerir pequenas porções de alimentos e aumentar o consumo gradativamente, de acordo com a tolerância de cada um.



É claro que se você só come alimentos gordurosos e muito calóricos pela manhã, vai acabar engordando ao invés de emagrecer. Por isso, é importante ter bom senso na hora de escolher os itens para sua refeição matinal.

A composição do cardápio deve priorizar a escolha de apenas uma porção de carboidrato, evitando o consumo de pães e cereais na mesma refeição.

Os pães mais indicados são os integrais, que contêm mais fibras. Geléia, margarina, requeijão e cream cheese lights, queijo fresco, leite ou iogurte desnatados, café, achocolatados, frutas frescas e secas também podem ser incluídos em doses moderadas.

Os alimentos mais gordurosos, que põem em risco o café da manhã são os queijos amarelos, os embutidos, a manteiga, os biscoitos doces e recheados e os bolos. O ideal é evitá-los no dia-a-dia ou optar pelas versões light, que contem menos calorias.

Curiosamente, os obesos e quem tem sobrepeso geralmente escolhem só um cafezinho cedo e depois têm fome o dia todo, assim acabam consumindo petiscos gordurosos durante a manhã.

Antes de praticar exercícios físicos por até uma hora, o melhor é beber um suco ou um copo de leite e deixar para fazer a refeição completa logo depois.

E, antes de qualquer coisa, ingerir um copo de água é recomendável: "O líquido ajuda a despertar o organismo mais gentilmente", diz a nutricionista Isabela Cardoso Pimentel, também do HCor.

O reflexo de evacuação é mais forte pela manhã, sendo assim, se você tem o intestino preguiçoso algumas frutas como a laranja, mamão, abacaxi, ameixa, podem contribuir para o seu bom funcionamento, se ingeridas nesta primeira refeição.
Já frutas como maçã, goiaba e caju, podem causar efeito inverso, ou seja, prender o intestino.

Então, já que estamos no inicio do ano, época de rever velhos hábitos e ajustá-los para a melhora de nossas vidas, porque não começar logo cedo? Pelo café da manhã.
Reserve uns 30 minutos de seu dia para desfrutar dessa importante refeição, o seu organismo agradece.

Um comentário:

Xana disse...

Engraçado teu post :)... Eu não saio de casa sem tomar o pequeno almoço... Torrada e café de preferência :)
bjinhus