terça-feira, 19 de maio de 2009

Alimentação


Nem sempre as alterações hormonais têm a ver com a retenção de líquidos

Frio ou calor, ele atormenta a vida de muita gente: o inchaço (ou edema, como também é conhecido) deixa as roupas apertadas, dá aparência de cansaço e causa muito desconforto.
Mas, a não ser em casos de desequilíbrio hormonal, é um problema bem simples de resolver. O inchaço é provocado pelo excesso de líquidos no organismo , explica a nutricionista responsável pelo MinhaVida, Roberta Stella

Comer muitos alimentos ricos em sódio faz com que esse mineral fique em elevada quantidade no organismo, favorecendo o inchaço temporário (quando o sódio for excretado pelos rins, a retenção excessiva de líquidos é solucionada).
Entre os alimentos ricos em sódio estão os embutidos (mortadela, salame, presunto), queijos amarelos, enlatados, preparações temperadas excessivamente com sal

O sal light é composto por 50% potássio e 50% sódio. Ele é uma alternativa para reduzir a ingestão de sódio e, por isso, pode ser utilizado pelas pessoas que tem a propensão em ter uma maior retenção hídrica, substituindo o sal de mesa tradicional

E engana-se quem pensa nisso como um mal exclusivamente feminino. Os homens também podem apresentar inchaço, principalmente se apresentarem excesso de peso, inatividade física e excesso de sódio na alimentação , afirma a nutricionista do MinhaVida.

Algumas alterações hormonais, no entanto, tornam o corpo feminino mais suscetível a esse tipo de situação. Durante a gravidez, o nível elevado de progesterona é responsável por vários sintomas, entre eles, o inchaço. Porém, o inchaço generalizado pode significar aumento da pressão arterial, principalmente, após o 5º mês de gravidez , alerta a ginecologista Juliana Horschutz, de Americana (SP).

Estudos indicam que a restrição na ingestão de sódio tem pouco efeito na redução do inchaço durante a gravidez. Para combatê-lo, os médicos recomendam a prática de atividade física leve e uso de meia elástica. É importante lembrar que a utilização de diuréticos não é recomendada durante a gestação, porque prejudicam o fluxo de nutrientes na placenta (levando o bebê à morte, em casos graves).

Já durante a tensão pré-menstrual, ocorre o aumento progressivo do nível de progesterona no sangue. A mudança traz sintomas físicos, como o inchaço e outros psicossomáticos (ansiedade, desejo por doces).

Água contra retenção de líquidos


Pode até parecer contraditório, mas beber bastante água é uma excelente medida para eliminar o excesso de líquidos que tem causado o inchaço. Isso porque a filtragem do sangue acaba ocorrendo mais rapidamente, eliminando o sódio acumulado e, portanto, diminuindo o edema.

Mas cuidado com a freqüência do problema. Ter um inchaço crônico pode significar mau funcionamento dos rins, na circulação ou hipertensão. Por isso, é importante investigar as causas desse sintoma quando perceber que ele não desaparece , afirma Roberta. O uso de medicamentos, como os corticóides, também está associado à presença de edema.

Alguns alimentos estimulam o funcionamento renal, aumentando a excreção de substâncias tóxicas e a eliminação de água através da urina, são os chamados diuréticos. Muitos deles também são ricos em fibras, colaborando para o melhor funcionamento do intestino, amenizando outros sintomas como o intestino preso.

Chás, em geral, são diuréticos, assim como algumas frutas (melão, melancia, abacaxi, morango, ameixa), verduras (alface, agrião) e legumes (salsão, cenoura, vagem, abobrinha). Combinados a uma hidratação adequada (cerca de 1,5 litro de água por dia), eles previnem o inchaço e ainda colaboram para que seu intestino funcione com regularidade.


5 dicas para desinchar de vez


1. diminua a ingestão de alimentos ricos em sódio, como embutidos, conservas, picles e queijos amarelos;
2. aumente a ingestão de frutas, legumes e verduras;
3. beba, pelo menos, 1,5 litro de água por dia (8 copos);
4. faça atividade física regularmente;
5. se o inchaço persistir, procure um médico para que sejam investigadas as causas da retenção hídrica.

3 comentários:

Alexandra Moura disse...

Anna nem me fales,estou na minha vez e destesto estar assim,nestas alturas só me da para comer chocolate.
Penso que sim,mas irei comprar este fim de semana,e depois posto uma fotografia no maravilhasamesa,bjs doces.

Cucchiaio pieno disse...

Amei as dicas, porque sofro - e muito - com retenção de líquidos. Valeu. Um grande abraço. Léia

Sabores de Aromas disse...

Ana,
Muito interessante.Gostei boas dicas.


bjs